O ano de 2017 pretende ser ainda melhor para a representação do CS:GO brasileiro a nível mundial. Após dois quase nos classificatórios para os majors de Colônia e Colombus, a Immortals busca a sua tão sonhada vaga.

O próximo, em Atlanta, que acontecerá em janeiro, é a meta. Mas para que o sonho se realize, o verdadeiro desafio inicia-se em dezembro, em um qualificatório de quatro equipes. Por sorte, serão duas vagas para os qualifies offlines, também em dezembro, e as chances da Immortals carimbar este passaporte é grande, visto que a pegará a Team Solo Mid.

Dado o passo "mais fácil", é hora de colocar as cartas na mesa e projetar as probabilidades. Com grandes equipes na busca do Challenger, a vaga será decidida nos detalhes. E apesar de serem oito oportunidades de conquistá-la, não podem haver erros contra equipes asiáticas, tornando importante as partidas contra norte americanos e europeus.

A experiência obtida finalmente tenderá a favor dos meninos. O incremento do já Major Player, Steel, ao lado do menino do Spray Bom, Boltz, tem de tudo para surtir efeito. Ambos conseguiram juntos bons resultados em majors com a Luminosity Gaming, perdendo apenas quartas de final para Fnatic e NaVi, mas mantendo a equipe como Legend do torneio nas duas ocasiões.

Do ponto de vista estratégico, tudo está ocorrendo bem. A equipe está encaixada, fazendo boas partidas e corrigindo os erros aos poucos. Apesar de um mau resultado na ELEAGUE Season 2, uma Intel Extreme Master estável e a classificação para as finais da ECS renovaram as esperanças.

Para o povo brasileiro que acompanha o sonho vivido por estes rapazes, não restam dúvidas que eles merecem a oportunidade. Representaram em todo o ano de 2016, com dois títulos para cima dos fregueses da Cloud 9 e uma incrível DreamHack, vencendo o NiP.

Parece que a segunda melhor equipe brasileira do ranking tem totais condições de ter pela primeira vez os seus stickers. Oportunidade única para se consolidar como uma das melhores do mundo. Visto que, de todas as equipes importantes do cenário, apenas os meninos brasileiros não tiveram este sabor.